O corpo da cantora Paulinha Abelha, que morreu no início da noite desta quarta-feira (23), após 11 dias internada, está sendo velado no Ginásio Constáncio Vieira, em Aracaju, Sergipe.

Na sexta-feira (25), outra cerimônia fúnebre será realizada em Simão Dias, cidade natal da artista. A segunda despedida será no Ginásio de Esportes José Maria, entre às 9h e às 14h. 

Os dois velórios serão abertos ao público. Já o sepultamento, será restrito a amigos e familiares.

A informação da morte da cantora foi confirmada pela assessoria do Hospital Primavera, em nota divulgada no perfil oficial do Instagram do grupo Calcinha Preta.

A cantora estava em São Paulo, quando começou a sentir fortes dores no estômago. Já em Sergipe, ela foi levada para a UTI de um hospital particular, onde entrou em coma. Ela precisou de suporte de de aparelhos e de diálise durante a internação.