O prefeito de Princesa Isabel, Ricardo Pereira, encaminhou a imprensa uma nota esclarecendo notícias de uma operação ocorrida na manhã desta quarta-feira no município.

A denúncia segundo a Polícia Federal visa apuração detalhes de um suposto sobrepreço na aquisição de máscaras e testes rápidos para a Covid-19 na cidade.

Segundo o prefeito, o Tribunal de Contas da Paraíba já apurou a denúncia, tendo se convencido que, além de não ter havido sobrepreço, a forma de aquisição foi a mais correta.

Ricardo Pereira disse estar tranquilo quanto as apurações e se dispôs para apresentar relatórios e documentos que podem ajudar a retirar as dúvidas da Polícia.

O prefeito ainda abriu mão de seus sigilos fiscais, bancários e telefônicos, juntamente com a secretária de saúde, Sra. Francisca de Lucena Henriques, comunicando tal fato à Polícia Federal, Tribunal Regional Federal, Justiça Federal e ao próprio Ministério Público Federal, no intuito de solucionar da forma mais rápida possível eventuais dúvidas dos órgãos de controle acerca da correção dos atos praticados pela gestão do município de Princesa Isabel.

Toda a documentação relativa à aquisição sempre esteve disponível na página oficial para acesso de todos, estando o prefeito e secretária tranquilos quanto à apuração dos fatos, permanecendo à disposição das autoridades.